02 nov

O Fotógrafo e o Marketing

Como é a relação?

Que vive de imagem, vive de encantamento, de seduzir compradores com as histórias que conta por meio do seu trabalho. Quer dizer : imagem é o nosso ganha- alimento. Seja nas fotografias que tiramos, seja na forma de que maneira nos posicionamos no mercado, ela será uma extensa responsável em estabelecer aspectos essenciais do curso de um fotógrafo. É aí que entra o marketing.

Por diversos fotógrafos serem freelancers, ou melhor, autônomos, há uma concepção errônea de que o marketing não se aplica a eles. Termos de que maneira isso parecem pertencer somente ao planeta corporativo, porém atualmente a história é outra. Com todas e cada uma das informações na palma da mão, é muito possível que o comprador que chega no seu email pedindo uma idéia de preço, já esteja conectado com o seu trabalho – seja vendo o álbum do evento de uma amiga, seja jogando seu nome no Google.

fotografo-de-casamento

Por consequência, filosofar em recursos de propaganda da sua marca não é mas uma opção se você ou subsistir no mercado fotográfico, hoje em dia com toda vez tem mais ótimos profissionais disputando circuito entre si. O marketing é unicamente um utensílio a fim de atingir um termo : atingir seu público- certo e também se discursar com este.

Simplificar essa raciocínio é justamente a marca de partida de nenhum gênero de projeto de notícia. Pense primeiro no classe de noivos que quer trabalhar. Como se intitula? Mora onde? Com quem? Possui filhos? Que profissão? Usa que tipo de transporte? Parece besteira, porém pormenores uma vez que esses nos ajudam a desvendar uma imagem clara em mente e também a tomar resoluções essenciais. Descubra seu cliente certo, pelas características dele, pela dor dele.

E também, uma vez que estamos colocando a mente pra funcionar, que tal delimitar poucos pontos a respeito de o seu negócio? Coloque no papel o que é você, uma vez que é seu resultado, quais são seus diferenciais, que mensagem pode passar, porquê quer se conversar com o noivo e também, como é natural, seu projeto infalível a fim de produzir o encantamento e também não só fazer seus clientes do serviço quererem contratar mais uma vez, porquê também poderão indicar a seus amigos e também familiares.
Todas essas respostas levarão a soluções a fim de questões mas específicas: de que maneira você deve se promover? Quais são as melhores meios? Vale fazer um sorteio? Ou é melhor investir em um anúncio em periódico? Facebook? Google adwords? Construir seu próprio site, se não sabe existem vários tutoriais na internet. São varias as posses e também, conforme o perfil do seu trabalho e também do seu noivo, essas recursos vão se tornando qualquer vez mais claros.

noivos

Desta forma, você começa a calcular seus próprios pontos fortes e também as necessidades do seu trabalho a fim de descobrir bem se vale mas investir tempo em uma internet virtual para ter muitos eventos ou se é mas jogo apostar em uma propaganda de página inteira em uma publicação do mercado no qual você atua.

 

Anúncios em jornal x anúncios conectado

Agora que decidiu e também definiu particularidades essenciais, é hora de colocar a mão na tamanho.

Vamos ver, supor que você se especialize em casamentos e também, então, vislumbra “ brigar ” direto nessas frentes. Aí acontece aquela incerteza : será que aproveito mais investindo naquele portal de casamentos que as noivas incessantemente acessam ou naquela publicação que vende muito nas bancas?

A verdade é que não há resposta certa e também nem errada a fim dessa pergunta. Uma vez que já estabelecemos a regra em cima, nenhum gênero de estratégia aparece depender do qual é o seu noivo dos sonhos. Se a avaliação não permitir investir nas duas mídias, vale colocar a imaginação pra fluir mais uma vez : pense nas chances que os noivos têm de contemplar seu pregão em todo um desses automóveis e também em que deles surtiria mas efeito. Eg : ou chegar a mais pessoas? Logo talvez seja uma boa preferir a rede.

Ora presentear uma credibilidade ao seu trabalho? Logo talvez o impresso seja o caminho. Ainda vale colocar nessa balança a “validade” da sua propaganda: se preciso anunciar um tanto mas rápido e também pontual, ou se almejo à longevidade, às noivas que guardam as atualidades e também passam adiante às amigas. Todas são questões válidas e também que só você é possível que responder.

Definindo verbas

Aqui a questão -chave é consistência. O ideal é que o investimento em um posicionamento de marca não seja alguma coisa que o profissional faça exclusivamente raramente, ou em determinadas épocas do ano. É essencial que a sua presença seja alguma coisa recorrente, incessantemente lembrando ao comprador a respeito de os motivos porque deve apenas contratar.
Talvez desse modo, os pacotes de publicidade em blogs e também atualidades do ramo sejam pensados anualmente. Embora as ofertas variem de um veículo a fim do outro e também você tenha como comprar uma propaganda mensal, citando caso análogo, vale considerar se não é provável já destinar uma verba a ser investida ao longo dos próximos sete meses ou 1 ano. O motivo? Mensuração de resultados. Você consegue desfrutar uma teoria bastante mas clara se sua estratégia está funcionando se ela possui tempo a fim de maturar e também chegar no seu público- branco.

Uma forma de se preparar a fim de estes gastos é inserir na sua planilha de gastos a previsão de um correto quantidade com termo. Uma forma segura se fazer essa operação é pela média de quantos ensaios, casamentos ou aniversários fotografa em um ano, e também filosofar em um medida periódica que você tenha como investir de modo consistente. Se você chegar a um quantidade bastante inferior do que planejava, talvez seja hora de repensar o quanto inócuo é o seu trabalho.

São muitas benefícios desse ação de planejar, porém as primordiais são que livramento obriga a planejar com o que dirigir-se gastar e também evita fazer gastos desnecessários, advindo à risca a verba que determinou.
Espero que reflitam estas palavras